Enem e Avaliação Seriada

Pré-vestibular - ENEM - Avaliação Seriada
Como chegar a universidade sem passar no vestibular
Eustáquio Lagoeiro Castelo Branco


Atualmente você pode optar como transpor as dificuldades para entrar
numa universidade.
Pode digladiar-se numa batalha incessante, dia após dia, durante todo o ano, com
livros, macetes, dicas, noites mal dormidas, em um cursinho pré-vestibular ou
aproveitar-se de outras modalidades de avaliação para atingir o seu objetivo.

Desde 1996, a LDB (Lei de Diretrizes e bases para a educação Nacional) flexibilizou
esse processo.

Uma maneira é se submeter a avaliação do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) que
substitui, de acordo com os critérios de algumas universidades, o exame pré-vestibular em seu
todo, em parte ou realizando apenas as provas específicas; Outra maneira, é a avaliação seriada onde o estudante-candidato faz as provas em três etapas, ao final de cada ano do ensino médio e
as notas vão se acumulando. A vantagem desse sistema é fazer com que o aluno se dedique mais
aos estudos desde o início do ensino médio.

O ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) é uma avaliação proposta pelo MEC com questões
de múltipla escolha, que procura, na análise e interpretação de textos, testar os conhecimentos estudados até o Ensino Médio. Esta Proposta do MEC (Ministério da Educação e Cultura) é realizada pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), não é obrigatória -
no entanto, pelo menos 128 instituições de ensino superior (entre elas 15 públicas, como USP e UNICAMP) já utilizam os resultados do ENEM em seus processos seletivos, ou seja,
no vestibular.

Da mesma forma que existe instituições de ensino superior que aceita os resultados do ENEM, existe aquelas que optaram pela avaliação seriada. Neste caso, as notas são comparadas e a
vaga vai para o candidato que conseguiu notas mais altas no vestibular ou na avaliação seriada.

No Brasil existem várias instituições que utilizam os resultados do ENEM na classificação e no processo de seleção de seus novos alunos. Os critérios são individuais:

Reservando vagas a participantes que obtiverem média
maior ou igual a determinada nota
substituindo a nota do vestibular
pela nota do Enem;
acrescentando pontos à primeira ou à
segunda fase;
Enfim, a forma de utilização do Enem pelas instituições
acadêmicas é de inteira responsabilidade das mesmas.

Foram encontradas referências a 472 instituições
em todas as 27 unidades da federação que
utilizam o ENEM
Click Aqui
e Visite essas instituições ordenadas por Estado


Avaliação Seriada
O vestibular seriado (PAS), é uma estratégia diferente do vestibular tradicional. Isto, porque é realizado gradativamente enquanto o aluno está cursando o ensino médio. Este tipo de avaliação começou a ser usado em 1996 pela UnB e pela Federal de Santa Maria (RS) e ainda não está totalmente implantado. Apenas algumas universidades públicas ou privadas o adotam. Mas, pode ser uma opção interessante para aqueles estudantes que estão começando a cursar o ensino médio.

Como funciona este sistema?



A avaliação seriada ocorre quando o aluno ainda está no Ensino Médio. Ao final de cada ano do chamado 2º grau, o aluno se submete a uma avaliação e suas notas são computadas para a admissão na universidade. Se, ao longo dos três anos, ele se sair mal em alguma das etapas poderá se recuperar na outra e conseguir uma classificação satisfatória
As várias instituições que aderiram a este método não sequem um modelo definido. O MEC exige, apenas, que as universidades obedeçam a regras que dêem igualdade de oportunidade a todos os candidatos e são vetados quaisquer tipo de convênios entre universidades e colégios, para admitir automaticamente alunos que tenham obtido notas acima de um mínimo estabelecido.

Em 1996, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação, tirou a obrigatoriedade do vestibular possibilitando o surgimento de outros tipos de processos para o acesso á universidade. Com isso, Cada universidade, desde que respeitando o princípio constitucional da igualdade de oportunidades para todos os candidatos, continua tendo autonomia em relação á seleção dos seus alunos.
E assumindo as conseqüências dos seus atos.
 

O sistema guarda alguma semelhança com o ENEM. As avaliações são feitas no decorrer
dos três anos do ensino médio. As provas verificam gradativamente os conhecimentos gerais dos candidatos. Ou seja, terminado o primeiro ano do ensino médio o candidato faz uma prova com questões relativas ao conteúdo didático deste ano. É importante neste caso analisar a relação entre os conteúdos da escola onde o candidato estuda e o exigido pela faculdade onde o candidato
pretende ingressar para que haja a certeza de que a escola dá todo o conteúdo exigido no exame.
A grande diferença, então, entre esse sistema de admissão e o ENEM é que nesse as provas são elaboradas pela própria faculdade e só valem para essa escola enquanto no ENEM as provas são elaboradas por alguma instituição contratada pelo Ministério da Educação, e valem para
várias instituições.

Para este tipo de seleção o candidato precisa se inscrever na faculdade onde ele pretende
ingressar no primeiro ano do ensino médio, mesmo não tendo escolhido, ainda, o curso que
pretende cursar. Feita a inscrição o candidato aguarda a data das provas.
Essas datas normalmente são pré-definidas e já na inscrição o candidato toma conhecimento
delas. Maiores informações devem ser obtidas na secretárias das faculdades.

As provas, normalmente, são realizadas na faculdade escolhida mas, existe a possibilidade
de fazê-las em sua escola se seu colégio for conveniado.

Encontramos, ainda, escolas em que o vestibulando pode agendar sua prova, que será feita por computador. Caso não tenha conhecimentos de informática, 15 minutos antes do exame o
candidato recebe instruções sobre como usar o equipamento. Ao iniciar o teste, sua senha aciona
um sorteio aleatório no banco de dados, a partir do qual é composta uma prova com questões
de múltipla escolha.
Terminada essa fase, imprime-se uma folha para a redação.
A probabilidade de uma prova ser igual a outra é de um em mil e, mesmo assim, as opções de respostas apareceriam em ordens diferentes.


http://www.vestibularseriado.com.br/oquee.php
Fonte: O Estado de S.Paulo
http://epoca.globo.com/especiais/2004/educacao/mudanca.htm
Márcia Foletto/Ag. O Globo


Algumas Universidades que utilizam
a Avaliação Seriada

Universidade Federal de Sergipe - UFS
Universidade Federal de Alagoas - UFAL
Universidade Federal da Paraíba - UFPB
Universidade Federal de Campina Grande - UFCG
Universidade de Brasília - UnB
Universidade Federal de Viçosa - UFV
Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG
Universidade Federal de Lavras - UFLA
Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF
Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
Universidade Federal do Maranhão - UFMA
Universidade de Uberaba - UNIUBE
Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES
Universidade Federal do Pará - UFPA
Fundação Armando Alvares Penteado - FAAP
Universidade Presidente Antonio Carlos
Universidade Estadual de Santa Cruz  UESC-Bahia
Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
Universidade Federal do Piaui
Faculdades Integradas de Vitória  - FDV
Universidade catolica de Brasilia
Universidade Candido Mendes
Universidade para o Desenvolvimento da Região do Pantanal
Centro Universitário de Franca
Universidade Federal de Uberlândia
Universidade Estadual de Ponta Grossa
Universidade Católica Dom Bosco Mato Grosso do Sul
Centro universidade de Caratinga
Universidade Estadual de Goiás
Universidade Federal do amazonas




Leia Também....

Alfabetização sem reprovação

PROUNI: Programa de Universidade Para Todos

Igualdade de Acesso a Escola

Educação Orientada para Competências

Constituição de 1988 em se artigo 206

A Gratuidade do Ensino Público

O Igualitarismo Acabou

Leituras Para o Vestibular  -  Click no Título

NOSSA GRAMÁTICA - 2 VOL.
Luiz Antônio Sacconi

APOSTILAS PARA VESTIBULARES - 7 Volumes
Chromos Vestibulares

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM ESCOLAR
Cipriano Carlos Luckesi

ESCOLA E COMPREESSÃO DA REALIDADE

Maria Teresa Nidelcoff

IDEOLOGIA E EDUCAÇÃO BRASILEIRA
Carlos R. Jamil Cury

O NOVO PACTO EDUCATIVO

Juan Carlos Tedesco

POR UMA NOVA ESCOLA

Neidson Rodrigues

UMA ESCOLA PARA O POVO

Maria Teresa Nidelcoff

A RELÍQUIA

Eça de Queirós

AMOR DE CAPITU

Fernando Sabino

AS PUPILAS DO SENHOR REITOR

Júlio Diniz

ESAÚ E JACÓ
Machado de Assis

REVISTA NOVA ESCOLA
CONTOS PARA CRIANÇAS
Editora Abril

VISITE NOSSO ACERVO
DE LIVROS NOVOS E USADOS





Procure na BUSCA pelo
autor ou pelo título.
Se tiver dúvida insira apenas
parte do título ou autor
 
Use palavras-chave para
achar o que procura.
ou click em
Busca Avançada

Fique atento ao valor do frete. Adquira mais livros.
Até 1 kilo, o preço do frete
tem o mesmo valor
Eustáquio Lagoeiro Castelo Branco
Webmaster, Webwriter, professor graduado em história e sociologia, 
pós-graduado com especialização em informática educacional
eduquenet@eduquenet.net

darine stern photos
- fan7 - www5